ArtigosEntrevistaIluminação

Iluminação

By 03/01/2017dezembro 7th, 2018No Comments

Olá, hoje vamos falar sobre iluminação, porém de uma forma diferente, vamos postar a entrevista do nosso Diretor Criativo Daniel Oliveira, que saiu na revista Simonetto, edição 2015 , onde aborda o assunto.
Como a iluminação pode influenciar um ambiente? O quanto ela pode valorizar ou “derrubar” a decoração?
Através da iluminação, é possível se criar diferentes cenários, no mesmo ambiente, ou seja, o mesmo ambiente pode ser utilizado como uma sala de leitura, sala de televisão entre outras possibilidades, tudo isso através das escolhas certas dos tipos de lâmpadas, intensidades e posicionamento dos pontos de luz.

Quais os principais erros na hora de iluminar quadros, paredes e outros objetos decorativos suspensos?
Uma das preocupações que tem que se ter ao iluminar objetos decorativos, é o tipo da luz, intensidade e a emissão de calor, as luzes emitem calor, e dependendo a intensidade e o tipo pode danificar o objeto iluminado ou mudar as cores do mesmo.

Como usar a iluminação para valorizar papéis de parede? O que a pessoa precisa observar? Tamanho dos espaços? Cor dos papéis?
Ao se fazer um projeto luminotécnico, todos os fatores tem que ser observado, tamanho do espaço, objeto a ser iluminado, pois cada material tem um comportamento diferente sob a luz, os papeis podem refletir mais ou menos a luz, portanto, além de todas essas análises tem que ser levado em consideração também, o tipo de cenário que esta buscando criar, ambientes para leitura, de televisão, dormitórios dentre outros.

Qual seria o melhor tipo de luz para esses casos? O número de lâmpadas utilizadas depende do tamanho do espaço? A iluminação deve ser direta ou indireta? Por quê?
Hoje as lâmpadas indicadas são as em Led, pois além de serem mais econômicas, tem maior durabilidade, uma maior possibilidade de configurações de cores e intensidades. Sobre o tipo e modelo da lâmpada, se será direta ou indireta, dependerá do tamanho do ambiente e para qual uso se destina o mesmo.

E no caso dos quadros e painéis de MDF decorativos? Como deve ser feita a iluminação para valorizar a obra ou objeto?
Os quadros e as peças decorativas seguem o mesmo conceito. Primeiramente temos que analisar a iluminação como um todo do ambiente, e posterior a iluminação específica nas peças que serão iluminadas, e assim se tornarem elementos de destaque no ambiente. A iluminação pode ser feita por luzes em spot, luzes indiretas, sempre dependendo do objeto iluminado, como o mesmo se comporta sob a luz entre outros fatores.

É possível dar cinco dicas gerais de como fazer esse tipo de iluminação sem errar? No que as pessoas podem apostar para valorizar seus quadros, painéis e papéis de parede?
A dica principal é sempre procure um especialista, pois cada ambiente tem suas peculiaridades e um profissional poderá fazer uma analise detalhada.
Porém aposte na utilização de uma luz geral, e spot sob os objetos decorativos, procure trabalhar com intensidade e cores de luzes diferentes assim podendo se criar diferentes cenários, variando de acordo com as lâmpadas ligadas naquele momento e sempre observe a decoração e o comportamento dos objetos sob o efeito de luz, pois esses podem refletir, absorve e até mesmo mudar de cor sob o e o efeito da luz.

Além da iluminação focada nesses objetos, é preciso ficar de olho na iluminação do cômodo? Como sincronizar as duas?
Uma iluminação adequada leva em consideração todos os fatores, luz do sol, luzes artificiais, tamanho do espaço e objetos da decoração.
Uma boa aposta é utilizar uma luz geral e trabalhar com luzes especificas para os objetos a serem destacados.
Dúvidas? Nos envie um e-mail na parte dos contatos.

Daniel Oliveira

Daniel Oliveira

Designer de interiores, Engenheiro Civil e Pós Graduado em Arquitetura.

×

Olá, tudo bem?!

Vamos juntos realizar seu projeto?

× Contato por whats